23Maio2019

 
    
    

Segurança & Defesa

Portuguese English French German Italian Russian Spanish

MBDA revela mais duas aplicações do míssil Mistral

A MBDA acaba de lançar comercialmente dois novos sistemas de defesa aérea que empregam o míssil Mistral. Um deles é o Atlas-RC/LIC²ORNE, uma combinação que — em conjunto com o Mistral — provê proteção a unidades móveis, podendo ser montada em viaturas leves (Foto: MBDA. Laurent Guchardon). A Atlas-RC é uma torreta automática, que transporta dois Mistral prontos para uso e é controlado a partir do interior da viatura, sendo equipada com sensores diurnos e noturnos para direção de tiro e acompanhamento; a LIC²ORNE é uma unidade de comando e controle, que pode coordenar oito sistemas Atlas-RC e conectá-las a sistemas de comando de nível mais alto. Podendo usar sensores eletro-óticos ou radar, a LIC²ORNE garante que a torreta Atlas-RC será avisada de um alvo a tempo para tirar vantagem de todo o envelope de tiro do Mistral. A outra aplicação é o SPIMM (Self-Protection Integrated Mistral Module), um módulo baseado no sistema SIMBAD_RC e projetado para equipar navios de todos os tipos, em particular aqueles que não possuem um sistema de combate (como navios de apoio logístico). O módulo SPIMM consiste numa torreta naval automática SIMBAD_RC com dois mísseis Mistral prontos para uso, e um sistema infravermelho panorâmico de 360° para detectar e acompanhar ameaças aéreas e de superfície. O sistema é totalmente controlado por dois operadores posicionados num “shelter” dentro do módulo, que também abriga dois mísseis adicionais. O módulo tem 3m de comprimento, pesa 7t, e pode ser facilmente posicionado no convés de um navio por um guindaste, necessitando apenas de uma conexão elétrica padrão (Fotos: MBDA).